O
COMPROMISSO DA FLEC PARA CABINDA É COM A JUSTIÇA E DEPOIS COM A PAZ E
SEGURANÇA. POIS NÃOHÁ PAZ E SEGURANÇA SEM JUSTIÇA. A JUSTIÇA EM CABINDA É
 CUMPRIR O TRATADO DE SIMULAMBUCO.
O MPLA E ANGOLA PROVAREM DURANTE 40 SER INCAPAZES DE PROMOVER E DESENVOLVER
CABINDA. EM CABINDA SÓ DEIXARAM AS MARCAS DA OPRESSÃO E DA DESTRUIÇÃO.
O CONFLITO DE CABINDA NÃO DEVE SER TABU NEM EM CABINDA, NEM EM ANGOLA, NEM
NA UNIÃO AFRICA, NEM NA LIGA ÁRABE, MUITO MENOS NAS NAÇÕES.

CABINDA O PROTECTORADO DE PORTUGAL Á LUZ DO TRATADO DE SIMULAMBUCO,DE
CHINFUMA E DE CHICAMBA FOI DURANTE 40 ANOS  OBJECTO DA MAIS VIL INDIGNIDADE
POLÍTICA , SÓCIO - ECÓNÓMICO E HUMANA .
OS PREDADORES DE CABINDA QUE SE ESCONDEM POR DETRÁS DO MEMORANDO DE
ENTENDIMENTO , MELHOR DA OCUPAÇÃO ANDAM PREOCUPADOS COM AS CHAMADAS DE
ATENÇÃO DA UNIÃO EUROPEIA SOBRE A GRAVÍSSIMA SITUAÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS
EM CABINDA CUJAS RAÍZES POPULARES REMONTA AOS ANOS 74 QUANDO O TERRITÓRIO
ESTAVA  A SER
A SER RASGADO  E ESPOLIADO  PELA TURMA VERMELHA DO MPLA QUE PERDEU
ARGUMENTOS POLÍTICOS  EM CABINDA E JÁ ANDA EM DEBANDADA.
ENQUANTO ISSO O POVO DE CABINDA ORGANIZADO EM TORNO DA FLEC, HOJE NA SUA
EXPRESSÃO MAIS PATRIÓTICA , CONSISTENTE E CREDÍVEL NO CONSELHO NACIONAL DO
POVO DE CABINDA QUE APOIA O GOVERNO REVOLUCIONÁRIO DE CABINDA  E DE UNIDADE
PATRIÓTICA, BATE , COM SERIEDADE E ESCLARECIMENTO POLÍTICO ,O PÉ A ANGOLA
COLONIALISTA, TERRORISTA E OCUPANTE, DIGNIFICANDO A FLEC E A LEGÍTIMA
RESISTENCIA  DO POVO DE CABINDA.

CABINDA 29 DE SETEMBRO DE 2015

A DIRECÇÃO  POLÍTICA.
FLEC
CONSELHO NACIONAL DO POVO DE CABINDA (NKOTO - LIKANDA)
GOVERNO REVOLUCIONÁRIO DE CABINDA  NO EXÍLIO / DE UNIDADE PATRIÓTICA