A NAÇÃO DE CABINDA REIVINDICA UM PROCESSO POLÍTICO JUSTO, INCLUSIVO E COM DIGNIDADE CONSTITUCIONAL INTERNACIONAL

E o regresso do Fundo soberano para Cabinda em estado de calamidade política, militar, económica e social.

Na colômbia, em Cuba e na Ucrânia as negociação têm mediadores rostos e substância e objectivos claros e credíveis.

Em Cabinda a nebulosa permanece. A Flec apoiado pela conselho nacional do povo de Cabinda não desiste da resistência mesmo apoiando o diálogo que espera ser consequente

Para dar início ao processo de reconstrução e desenvolvimento de Cabinda ainda sob ocupação e colonização político – militar Angolana.

Kabinda, 21 de Maio de 2015

FLEC

Conselho nacional do povo de Cabinda

A DIRECÇÃO POLÍTICA 

GOVERNO REVOLUCIOÁRIO DE CABINDA NO EXÍLIO