Donald Trump apresenta política militar não intervencionista

December 7, 2016


Donald Trump

Presidente eleito defendo foco no combate ao Estado Islâmico e garante mais recursos para o exército.

O Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, apresentou na terça-feira, 6, a sua proposta de política militar que, segundo ele, evitará intervenções em conflitos estrangeiros e, em vez disso, focará fortemente em derrotar o Estado Islâmico. No seu último comício na chamada “volta de agradecimento pelos Estados decisivos na sua eleição”, Trump apresentou o seu escolhido para secretário de Defesa, general James Mattis, a uma grande multidão na cidade próxima à base militar de Fort Bragg, que enviou soldados a 90 países em todo o mundo. "Iremos parar de correr para derrubar regimes estrangeiros sobre os quais não sabemos nada, com os quais não devemos nos envolver", garantiu Trump, adiantando que “ao invés disso, nosso foco deve ser derrotar o terrorismo e destruir o Estado Islâmico, e o faremos”. A retórica de Trump foi semelhante ao discurso que ele utilizou durante a campanha presidencial, quando criticou a guerra no Iraque. Em Fayetteville, ele prometeu uma forte reconstrução do Exército norte-americano, o qual sugeriu ter sido enfraquecido. Ele reiterou que, em vez de investir em guerras, gastará dinheiro para construir estradas, pontes e aeroportos. Mesmo assim, Trump adiantou querer aumentar os gastos com o Exército. Para ajudar a pagar pela sua reconstrução, Trump irá tentar a aprovação do congresso para elevar os limites de gastos com defesa. "Não queremos ter um Exército exaurido por estarmos em todos os lugares combatendo em áreas nas quais não devíamos estar lutando", sublinhou o Presidente eleito. Trump afirmou que qualquer nação que compartilhe desses objetivos será considerada parceira dos EUA."Nós não esquecemos. Queremos fortalecer velhas amizades e buscar novas", continuou o multimilionário, para quem a política de "invenção e caos" deve acabar.

 

Bill Clinton faz a defesa da mulher de causas

July 27, 2016


Antigo Presidente diz que Hillary é uma "promotora de mudanças".

Num dos discursos mais aguardados do segundo dia da convenção do Partido Democrata que decorre desde segunda-feira em Filadélfia, o antigo Presidente Bill Clinton fez uma forte de defesa da esposa, Hillary, na noite de terça-feira, 26, como activista pelas causas sociais, nomeadamente os direitos das crianças, das mulheres, dos deficientes e das minorias. 
Num discurso repleto de lembranças, Bill Clinton repassou o rel...


Continue reading...
 

Bernie Sanders declara seu apoio a Hillary Clinton

July 12, 2016


O senador norte-americano Bernie Sanders declarou nesta terça-feira, 12, o seu apoio à ex-rival Hillary Clinton para a nomeação como candidata democrata à Presidência dos Estados Unido
antes da convenção do partido, que acontece dentro de duas semanas.

"A secretária Clinton ganhou o processo de nomeação democrata", disse Sanders em Portsmouth, New Hampshire."E eu pretendo fazer de tudo que posso para garantir que ela seja a próxima presidente dos Estados Unidos", adiantou o senado...


Continue reading...
 

Barack Obama elogia Muhammad Ali

June 4, 2016


Foi o maior e abalou o mundo, diz o presidente. Ali morreu aos 74 anos de idade

O presidente Barack Obama e a sua mulher Michelle emitiram hoje uma declaração chorando a morte do antigo campeão mundial de box Muhammad Ali.

Na declaração o presidente americano disse que Muhammad Ali foi - como ele próprio disse - “o maior” Barack Obama disse que Ali tinha “uma capacidade única de ter força e coragem face à adversidade, navegar nas tempestades e nunca se perder”.

“Muhammad...


Continue reading...
 

EUA: Campanha presidencial ganha novo ímpeto

January 2, 2016


Hillary Clinton e Donald Trump

O processo das eleições primárias culminará com as convenções dos partidos republicano e democrata, no inicio do Verão, durante as quais serão formalmente escolhidos os dois candidatos às eleições presidenciais de Novembro próximo. Aqui nos Estados Unidos, a campanha eleitoral para as presidenciais de Novembro próximo vai ganhar novo ímpeto neste inicio do ano com os candidatos preparando-se paras as eleições primárias que começam já em Feverei...


Continue reading...
 
Make a Free Website with Yola.