A petrolífera americana Chevron atingiu este ano a cifra de 5 mil milhões de barris de petróleo em 60 anos de exploração do crude na província angolana de Cabinda. Segundo a multinacional americana, o volume de petróleo extraído aumentou nos últimos anos com a descoberta e entrada em funcionamento de novos campos.
A produção diária ultrapasou os 500 mil barris de petróleo provenientes dos blocos 0 e 14, sendo estes os mais antigos blocos de exploração petrolífera no solo angolano, onde a Chevron detém 39 por cento de acções contra 41 por cento da petrolífera nacional Sonangol. De acordo com o director geral da Chevron em Angola John Boltz, o resultado deixa a multinacional mais orgulhosa e com motivação de manter os níveis de produção, não obstante a queda do preço de petróleo no mercado internacional. O acto de divulgação desses resultados decorreu no palácio do governo da província