Prof. Afonso Massanga é o novo presidente da Frente de Libertação do Estado de Cabinda (FLEC).------------La commission politique Permanente, réunie en session ordinaire, 1er au 4 Février 2012 à Bruxelles Belgique, après avoir analysé la situation politique interne que traverse notre mouvement, Le FLEC-------Em nome do Nkoto-Likanda, faz através deste, um voto de feliz Natal, de boas entradas no ano 2012....... www.cabindanation.net...... CABINDA NATION PRESS: TV& RADIO
New Page 2

A FLEC-FAC reivindica confrontos

com os militares e a morte de cerca de uma centena dentre eles desde finais de Fevereiro, após o anúncio de retoma da luta armada, para exigir negociações sobre o estatuto de Cabinda. A 18 de Fevereiro Nzita Henriques Tiago presidente e co-fundador da FLEC anunciou a retoma da luta armada no Enclave de Cabinda, até que o Presidente José Eduardo dos Santos aceite negociar directamente com ele ou seus enviados uma solução para a instabilidade político-militar no enclave.

A FRENTE DE LIBERTAÇÃO DO ESTADO DE CABINDA

/ CONSELHO NACIONAL DO POVO DE CABINDA ( NKOTO - LIKANDA) APOIADO PELO GOVERNO REVOLUCIONÁRIO DE CABINDA NO EXÍLIO DE UNIDADE PATRIÓTICA FIEL LINHA  IDEOLÓGICA

Emboscada da Guerrilha Cabindesa Causa a Morte de Três Soldados Angolanos em Massabi

Cabinda - Uma emboscada da Frente de Libertação do Estado de Cabinda
(FLEC) contra uma patrulha das Forças Armadas de Angola (FAA) no
Territorio de Cabinda resultou na morte de três soldados angolanos e feriu
quatro. Um responsável da FLEC confirmou à e-GLOBAL que a guerrilha cabindesa
atacou ao início da tarde de
de fevereiro uma patrulha das FAA, baseada
no aquartelamento de Cito, quando circulava na área de Chivoco na região
de Massabi. Durante a embosca três militares angolanos foram mortos e
quatro terão sido feridos, confirmou o mesmo responsável.
A ação da FLEC aconteceu poucos dias depois de um célula da guerrilha ter

Burundi desapontado com a suspensão da ajuda da União Europeia

Apenas os burundenses resolverão os problemas do seu país, disse o Ministro do Negócios Estrangeiros daquele país.O Burundi está desapontado com a decisão da União Europeia de suspender a ajuda ao país. A suspensão foi anunciada ontem, 14. A União Europeia alega que o país não fez o suficiente para  acabar com o conflito politic

ANGOLA DEMONSTRA FRAQUEZA POLÍTICA E FALTA DE VISÃO POLÍTICA DEMOCRÁTICA NA SOLUÇÃO DO CONFLITO

A APOSTA DO GOVERNO DE ANGOLA EM ESTABILIZAR PELA FORÇA A OCUPAÇÃO, A ANEXAÇÃO, A COLONIZAÇÃO E OPRESSÃO, A ESPOLIAÇÃO DE O EMPOBRECIMENTO E A PRECARIEDADE DE KABINDA O TERRITÓRIO OCUPADO É UMA AFRONTA Á DEMOCRACIA E AO PROCESSO POLÍTICO DE kABINDA QUE CARECE DE UMA DINÂMICA CREDÍVEL

Tribunal Penal Internacional questiona suspeito destruidor

de monumentos de Timbuktu Um suposto radical islâmico compareceu, hoje, 01, perante o Tribunal Penal Internacional, em Haia, Países Baixos, para responder a acusações sobre a sua participação na destruição de templos religiosos históricos na cidade maliana de Timbuktu.

MESMO ACREDITAMOS ACONTECERÁ AOS CABINDAS

QUE FORAM FORÇADOS A EMIGRAR PARA ANGOLA NO PROCESSO COLONIAL E   COLONIALISTA   DE   MISGENAÇÃO  E GENTRIFICAÇÃO DE CABINDA POR RAZÕES   E OBJECTIVOS ESTRATÉGICOS   DE OCUPAÇÃO   NA   ERA   TRANSACTA   DO PETRÓLEO DE (SANGUE) DE CABINDA. ESTA POSIÇÃO DE VANGURADA, É OPONÍVEL Á TODOS AS FORÇAS DE   BLOQUEIO, A TODAS AS FORÇAS DA RETAGUARDA   E DE   TESES   INTEGRACIONISTAS   DE   ANGOLA

EUA avisam de ameaça à segurança em Luanda

A embaixada dos Estados Unidos disse ter recebido informação sobre “uma potencial ameaça de segurança em Luanda” e aconselhou os seus cidadãos a evitarem dois centros comerciais

EUA: Campanha presidencial ganha novo ímpeto

Hillary Clinton e Donald Trump
O processo das eleições primárias culminará com as convenções dos partidos republicano e democrata, no inicio do Verão, durante as quais serão formalmente 

Mensagem dum Combatante da FLEC Nkungu Nsika

Muito bom dia, irmãos e compatriotas. Antes de tudo quero agradecer à todos que de uma forma ou de outra têm mantido a chama da revolução cabindesa acesa. Começamos hoje a última semana de 2015, Ano em Cabinda completou 40 anos de ocupação angolana. Convido a todos de fazerem uma retrospectiva da nossa história e refletirem sobre os ganhos e perdas, desde o inicio da luta armada até hoje. Se acharem que realmente temos conquistado vitórias com as formas de atuar até agora, isso significa que estamos no bom caminho e assim devemos
continuar. Caso contrário, que tenhamos a humildade de reconhecer os erros
e a coragem de enveredar por um caminho diferente.

Kangamba defende controlo da internet e justiça no caso dos activistas

O general e membro do Comité Central do MPLA diz que as redes sociais deviam destacar o trabalho que os dirigente têm feito em vez de criticar.

O general Bento dos Santos Kangamba, membro do Comité Central do MPLA e secretário para a organização periférica e rural em Luanda,  reagiu  nesta segunda-feira à proposta do Presidente da República para maior controle das redes sociais. Para Kangamba, José Eduardo dos Santos tem razão porque os jornalistas e os utilizadores das redes sociais “só falam mal dos dirigentes

( 10 DE DEZEMBRO DIA INTERNACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS (NAÇÕES UNIDAS)

A FRENTE DE LIBERTAÇÃO DO ESTADO/ ENCLAVE DE CABINDA ASSUME E REAFIRMA QUE O DEBATE SOBRE O FUTURO DE CABINDA PODE, DEVE E VAI   SER FEITO PORQUE A SITUAÇÃO NO TERRITÓRIO OCUPADA É GRAVÍSSIMA, PREOCUPANTE E SEM PERSPECTIVAS  SE NÃO HOUVER MUDANÇAS POLÍTICAS PROFUNDAS QUE QUEBREM O IMOBILISMO ANIQUILADOR, O CAOS, A DESTRUIÇÃO  E PARALISIA GENERALIZADA AGRAVADA COM A CRISE  DO PETRÓLEO DE CABINDA QUE SUPORTOU ANGOLA DURANTE 40 ANOS.

O VALOR DA RESISTENCIA E DA PERSISTENCIA DOS POVOS

TAL COMO OS POVOS DA PALESTINA E DO SARA OCIDENTAL, E DO SUDÃO DO SUL O POVO DE CABINDA CUJA RESISTENCIA É PERSONIFICADA  E SIMBOLIZADA PELA FLEC, HOJE REUNIDA NO ÂMBITO DO CONSELHO NACIONAL DO POVO DE KABINDA E APOIADA PELO GOVERNO REVOLUCIONÁRIO DE CABINDA NO EXÍLIO, DEVE MANTER A SUA IDENTIDADE, COERENCIA E CONSISTENCIA. 

AS NAÇÕES UNIDAS, CABINDA E A FLEC / CONSELHO NACIONAL DO POVO DE CABINDA

GOVERNO REVOLUCIONÁRIO DE CABINDA NO EXÍLIO DE UNIDADE PATRIÓTICA
HOJE AS NAÇÕES UNIDAS FAZEM 70 ANOS
NO DIA 24 DE OUTUBRO DE 1945 NASCEU A CARTA DAS NAÇÕES UNIDAS EM S. FRANCISCO (EUA) COM A NOBRE MISSÃO DE GARANTIR A PAZ , A SEGURANÇA E DE JUSTIÇA ENTRE OS POVOS E OS DIREITOS HUMANOS

A INDEPENDENCIA DE CABINDA E O RECONHECIMENTO

INTERNACIONAL DA FLEC E DA JUSTA CAUSA DE EMANCIPAÇÃO DO PROTECTORADO DE CABINDA. ANGOLA DEVE SE RETIRAR DE CABINDA E PROMOVER E COOPERAR NO PROCESSO DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA DO  PROTECTORADO  OCUPADO DE CABINDA. E CABINDA ASCENDER Á SOBERANIA INTERNACIONAL OU SEJA TORNAR - SE LIVRE ,INDEPENDENTE E SOBERANA. A FRENTE DE LIBERTAÇÃO DO ESTADO DE CABINDA APOIADO PELO CONSELHO NACIONAL DO POVO  DE KABINDA (NKOTO - LIKANDA) E PELO GOVERNO REVOLUCIONÁRIO DE KABINDA NO EXÍLIO , DE UNIDADE PATRIÓTICA (GRCE UP) EXIGE O FIM DA OCUPAÇÃO ANGOLANA DO PROTECTORADO DE KABINDA 

Eurodeputados pedem investigação de Isabel dos Santos por suspeita de lavagem de capitais

Quatro eurodeputados pediram nesta sexta-feira à Comissão Europeia, Autoridade Bancária Europeia, Força-Tarefa de Acção Financeira e Banco Central Europeu uma investigação sobre a legalidade da compra da empresa portuguesa Efacec por Isabel dos Santos, filha do Presidente angolano. Aqueles parlamentares europeus, entre dois vice-presidentes do intergrupo parlamentar Integridade, Transparência e Corrupção e crime Organizado exigem que a investigação 

DESENHADO COMO UM PRESENTE ENVENENADO

E POR CONSEQUINTE PARA FALHAR Á TERMO, O MEMORANDO DE ENTENDIMENTO NEGOCIADO Á MARGEM DA FLEC E DO CONSELHO NACIONAL DO POVO DE KABINDA, NÃO RESISTIU AO PASSAR TEMPO MAS SOBRETUDO Á CONTESTAÇÃO  E REJEIÇÃO POPULAR ABSOLUTA  OS PRESSUPOSTOS SOBRE OS QUAIS ASSENTOU NA SUA GÉNESE : DISSOLUÇÃO DA FLEC, DOS TRATADOS DE SIMULAMBUCO E DE CHICAMBA O MEMORANDO DO FORUM CABINDÊS PARA O DIÁLOGO NASCE  COMO UM OVO PODRE PRESENTEADO AO BENTO BEMBE PARA DEIXAR TUDO NA MESMA  NO TERRITÓRIO DE CABINDA. 

AFIRMAR E GARANTIR ISSO

O COMPROMISSO DA FLEC PARA CABINDA É COM A JUSTIÇA E DEPOIS COM A PAZ E
SEGURANÇA. POIS NÃOHÁ PAZ E SEGURANÇA SEM JUSTIÇA. A JUSTIÇA EM CABINDA É
 CUMPRIR O TRATADO DE SIMULAMBUCO.
O MPLA E ANGOLA PROVAREM DURANTE 40 SER INCAPAZES DE PROMOVER E DESENVOLVER
CABINDA. EM CABINDA SÓ DEIXARAM AS MARCAS DA OPRESSÃO E DA DESTRUIÇÃO.

Advogados do grupo dos 15 preparam defesa

Tribunal provincial Luanda notifica advogados das acusações contra os activistas.Os advogados da defesa dos jovens activistas do autodenominado Movimento Revolucionário foram notificados nesta quinta-feira, pelo Tribunal Provincial de Luanda,  que os seus constituintes foram indiciados pelo crimede atentado contra o Presidente da República, o Governo de Angola 

União Europeia pede a Angola para "reavaliar" sentença de Marcos Mavungo

Julgamento não foi transparente e violou normais legais, diz UE O julgamento do activista de Cabinda Marcos Mavungo  não foi transparente e não obedeceu aos procedimentos legais, disse a União Europeia que exortou a justiça angola a rever a pena imposta ao activista.

CABINDAemLX-1-JC.mp3



Serviços de Inteligência da República de Kabinda



CABINDAemLX-1-JC.mp3

RADIO MBEMBO-BUALA

[C-N] 16-02-2012 Entrevista do Novo Presidente Prof Afonso Massanga na Voz d'America.mp3

FLEC - Ministro Afonso-Massanga [Mars 2011].mp3

Notícias do Mundo 

 
 
 

Welcome to the Kabinda Nation Website / Bienvenue sur le site de la Nation Kabinda / Bem-vindo no site de Nação de Kabinda

 Bienvenidosa la Web de la nación de Kabinda / Benvenuti nel sito della nazione Kabinda 

Willkommen auf der Website des Kabinda-Nation / مرحبا بكم في موقع الأمة كابندا

Добро пожаловать на сайт нации Кабинды欢迎来到卡宾达国家网站

Front for the Liberation of the Estate of Kabinda ( FLEK )

Serviço da Inteligência da Republica de Kabinda (S.I.R.KA.)

CABINDA  /  KABINDA

FIOTI E IBINDA    PORTUGUESE        FRENCH          ENGLISH            CHINE         COMMUNIQUE 

 
Make a Free Website with Yola.